EPISTOLA AOS ROMANOS / PT / 4

 

Romanos 1:4

 Declarado Filho de Deus em poder,

segundo o Espírito de santificação,

pela ressurreição dos mortos, — Jesus Cristo, nosso Senhor

COMENTARIOS

Declarado: esta palavra grega pode ser traduzida como distinguir e procedente da raiz da palavra horizonte. Jesus depois da Ressurreição se converteu em uma demarcação total do resto da humanidade, condenada à morte desde Adão e Eva.

Cristo como Filho de Deus: é Ungido e é o Messias anunciado pelos profetas do Antigo Testamento. Como Filho, assumiu uma atitude de obediência total ao Pai.

Espírito de Santidade: é consequência da natureza divina de Jesus que faz parte da Trindade.

Ressurreição dentre os mortos: é a demonstração suprema da sua condição humana e por isso morreu, e da sua natureza divina e por isso Ressuscitou para nunca mais morrer, porque é Eterno.

Diego Acosta

www.septimomilenio.com

A BÍBLIA – Romanos 1:1-17

No seu ensinamento magistral, Paulo nos revela que a Justiça de Deus é revelada por fé e, portanto, o justo viverá pela fé.

1 Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para apóstolo, separado para o evangelho de Deus,

o qual antes havia prometido pelos seus profetas nas Santas Escrituras,

acerca de seu Filho, que nasceu da descendência de Davi segundo a carne,

declarado Filho de Deus em poder, segundo o Espírito de santificação, pela ressurreição dos mortos, Jesus Cristo, nosso Senhor,

pelo qual recebemos a graça e o apostolado, para a obediência da fé entre todas as gentes pelo seu nome,

entre as quais sois também vós chamados para serdes de Jesus Cristo.

A todos os que estais em Roma, amados de Deus, chamados santos: Graça e paz de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo.

Primeiramente, dou graças ao meu Deus por Jesus Cristo, acerca de vós todos, porque em todo o mundo é anunciada a vossa fé.

Porque Deus, a quem sirvo em meu espírito, no evangelho de seu Filho, me é testemunha de como incessantemente faço menção de vós,

10 pedindo sempre em minhas orações que, nalgum tempo, pela vontade de Deus, se me ofereça boa ocasião de ir ter convosco.

11 Porque desejo ver-vos, para vos comunicar algum dom espiritual, a fim de que sejais confortados,

12 isto é, para que juntamente convosco eu seja consolado pela fé mútua, tanto vossa como minha.

13 Não quero, porém, irmãos, que ignoreis que muitas vezes propus ir ter convosco (mas até agora tenho sido impedido) para também ter entre vós algum fruto, como também entre os demais gentios.

14 Eu sou devedor tanto a gregos como a bárbaros, tanto a sábios como a ignorantes.

15 E assim, quanto está em mim, estou pronto para também vos anunciar o evangelho, a vós que estais em Roma.

  16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê, primeiro do judeu e também do grego.

17 Porque nele se descobre a justiça de Deus de fé em fé, como está escrito: Mas o justo viverá da fé.

 

 

A BÍBLIA – 1 João 5

O testemunho triplo do Pai, do Verbo e do Espírito deve proporcionar-nos fé para crer que o Filho de Deus tem a vida.

1 Todo aquele que crê que Jesus é o Cristo é nascido de Deus; e todo aquele que ama ao que o gerou também ama ao que dele é nascido. 2

 Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus: quando amamos a Deus e guardamos os seus mandamentos.

Porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são pesados.

Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé.

Quem é que vence o mundo, senão aquele que crê que Jesus é o Filho de Deus?

Este é aquele que veio por água e sangue, isto é, Jesus Cristo; não só por água, mas por água e por sangue. E o Espírito é o que testifica, porque o Espírito é a verdade.

Porque três são os que testificam no céu: o Pai, a Palavra e o Espírito Santo; e estes três são um.

E três são os que testificam na terra: o Espírito, e a água, e o sangue; e estes três concordam num.

Se recebemos o testemunho dos homens, o testemunho de Deus é maior; porque o testemunho de Deus é este, que de seu Filho testificou.

10 Quem crê no Filho de Deus em si mesmo tem o testemunho; quem em Deus não crê mentiroso o fez, porquanto não creu no testemunho que Deus de seu Filho deu.

11 E o testemunho é este: que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está em seu Filho.

12 Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida.

13 Estas coisas vos escrevi, para que saibais que tendes a vida eterna e para que creiais no nome do Filho de Deus.

14 E esta é a confiança que temos nele: que, se pedirmos alguma coisa, segundo a sua vontade, ele nos ouve.

15 E, se sabemos que nos ouve em tudo o que pedimos, sabemos que alcançamos as petições que lhe fizemos.

16 Se alguém vir seu irmão cometer pecado que não é para morte, orará, e Deus dará a vida àqueles que não pecarem para morte. Há pecado para morte, e por esse não digo que ore.

17 Toda iniquidade é pecado, e há pecado que não é para morte.

18 Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não vive pecando; mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca.

19 Sabemos que somos de Deus e que todo o mundo está no maligno.

20 E sabemos que ja o Filho de Deus é vindo e nos deu entendimento para conhecermos o que é verdadeiro; e no que é verdadeiro estamos, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna.

21 Filhinhos, guardai-vos dos ídolos. Amém!

www.septimomilenio.com

4- A BÍBLIA – 1 Juan 3:1-24

“Sendo filhos de Deus, devemos distanciar-nos do pecado, amar ao próximo e ser fiéis a Jesus Cristo”.

1 Vede quão grande amor nos tem concedido o Pai: que fôssemos chamados filhos de Deus. Por isso, o mundo não nos conhece, porque não conhece a ele.

Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifesto o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é o veremos.

E qualquer que nele tem esta esperança purifica-se a si mesmo, como também ele é puro.

Qualquer que pratica o pecado também pratica iniquidade, porque o pecado é iniquidade.

E bem sabeis que ele se manifestou para tirar os nossos pecados; e nele não há pecado.

Qualquer que permanece nele não vive pecando; qualquer que vive pecando não o viu nem o conheceu.

Filhinhos, ninguém vos engane. Quem pratica justiça é justo, assim como ele é justo.

Quem pratica o pecado é do diabo, porque o diabo vive pecando desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo.

Qualquer que é nascido de Deus não vive na prática do pecado; porque a sua semente permanece nele; e não pode viver pecando, porque é nascido de Deus.

10 Nisto são manifestos os filhos de Deus e os filhos do diabo: qualquer que não pratica a justiça e não ama a seu irmão não é de Deus.

11 Porque esta é a mensagem que ouvistes desde o princípio: que nos amemos uns aos outros.

12 Não como Caim, que era do maligno e matou a seu irmão. E por que causa o matou? Porque as suas obras eram más, e as de seu irmão, justas.

13 Meus irmãos, não vos maravilheis, se o mundo vos aborrece.

14 Nós sabemos que passamos da morte para a vida, porque amamos os irmãos; quem não ama a seu irmão permanece na morte.

15 Qualquer que aborrece a seu irmão é homicida. E vós sabeis que nenhum homicida tem permanente nele a vida eterna.

16 Conhecemos o amor nisto: que ele deu a sua vida por nós, e nós devemos dar a vida pelos irmãos.

17 Quem, pois, tiver bens do mundo e, vendo o seu irmão necessitado, lhe cerrar o seu coração, como estará nele o amor de Deus?

18 Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade.

19 E nisto conhecemos que somos da verdade e diante dele asseguraremos nosso coração;

20 sabendo que, se o nosso coração nos condena, maior é Deus do que o nosso coração e conhece todas as coisas.

21 Amados, se o nosso coração nos não condena, temos confiança para com Deus;

22 e qualquer coisa que lhe pedirmos, dele a receberemos, porque guardamos os seus mandamentos e fazemos o que é agradável à sua vista.

23 E o seu mandamento é este: que creiamos no nome de seu Filho Jesus Cristo e nos amemos uns aos outros, segundo o seu mandamento.

24 E aquele que guarda os seus mandamentos nele está, e ele nele. E nisto conhecemos que ele está em nós: pelo Espírito que nos tem dado.

www.septimomilenio.com